RSS

Arquivo da categoria: morangos

Torta de Frutas Vermelhas Maravilhosa para um Ano Novo Fantástico!

 

Então, amigos queridos, apesar do sumiço, de ter passado meu aniversário, do meu irmão, da minha cunhada e o Natal, resolvi que não dava para deixar passar o ano novo também. (By the way, esta foi a torta que comemorou todas estas datas).

Espero que o novo ano seja muito, muito, muito especial, que haja muita alegria, muito espírito guerreiro, muita força, animação, muitos encontros entre famílias e amigos, e que o banquetes e lanchinhos (e eu e Miltão por tabela) possa contribuir para que o seu dia a dia e as datas especiais possam ser recheadas de delícias e de afagos que muitas vezes a comida nos traz. (sim, são diversos muitos, as datas comemorativas me deixam assim…superlativa)

Nem sempre, como vocês podem notar, consigo vir aqui trazer minhas sugestões, por que a vida está mesmo cada dia mais corrida (que bom!), mas sempre que venho, o faço com boa vontade e trago junto meu carinho e receitas que eu acho que vão alegrar nossas vidas.

Para me redimir, trago hoje uma receita super, hiper especial, uma deliciosa torta de massa de chocolate, recheada de brigadeiro branco e morangos, coberta com ganache de chocolate meio-amargo, com várias frutas vermelhas por cima e geléia de brilho para arrematar. Garanto a vocês que é sucesso na certa, e tenho que confessar que tenho um pouco de ciúmes dessa receita, afinal só apareceu por aqui depois de várias tentativas, já que não tinha receita e  quis reproduzir para um amigo que me mostrou uma foto e disse que queria de aniversário. O povo tem gostado e eu mais ainda.

Apesar do ciúme, não ia deixar vocês sem conhecer essa maravilha, mas estava esperando uma data especial, e o ano novo está aí, e a oportunidade chegou. Caso decidam fazer para o Revellión, o ano vai começar bem, muito bem.

Preparem então, os caroços de romã, de uvas, o banho de mar, pule sete ondas, vá a missa, mande oferendas para Iemanjá, jogue confete, reze, faça seus pedidos, acenda velas, incensos, tome banho de sal grosso e alfazema, solte fogos de artífícios, comemore 0s rituais porque a vida é curta, curtíssima e não tem rascunho, viva muito e todo ritual traz boas energias e bom momentos.

Obrigada pelas visitas, pelos comentários e pela presença.

Que privilégio,  mais um ano de vida. Deus é (de) mais!

Nos vemos no ano que vem, com muitas guloseimas e muita alegria de viver.

Não, não me esqueci da receita (apesar da empolgação), segue abaixo:

Massa:

150g de manteiga GELADA cortada em pedacinhos
250 g de farinha de trigo 165+85=250
90g de açúcar
2 gemas
2 colheres de sopa cheias de cacau em pó
 
Pré-aqueça o forno a 180º.
 
Coloque em uma vasilha a manteiga, a farinha,  o açúcar e o chocolate até virar uma farofa, acrescente as gemas até a massa se soltar e se tornar uma bola que solte das mãos. Levar a geladeira por 30 m a 1 hora.
 
Forre uma forma redonda de 24 cm de diâmetro, com esta massa, deixendo-a bem fininha, furê-a com um garfo e levaã ao forno entre 20 a 25 minutos. Reserve.
 
Recheio:
 
4 latas de leite condensado
4 colheres de sopa de manteiga
1 caixa de morango
 
Leve ao fogo  o leite condensado e a manteiga até o ponto de brigadeiro de enrolar, ponto apertado. Leve a geladeira por 30 minutos e acrescente os morangos cortados cortados em quatro partes. Preencha e  a massa.
 
Cobertura 1 – Ganache de Chocolate:
 
1 tablete de chocolate meio-amargo
1 lata de creme de leite com soro
1 colher de sopa de azeite
 
Leve ao micro por 2 minutos e mexa bem com um fuet. Depois de morno jogue por cima do recheio. Leva a geladeira por 10 minutos.
 
Cobertura 2 – Frutas
 
1 caixa de morangos
1 caixinha de blueberries (ou pode chamá-los de mirtilos)
1 caixa de amoras
1 caixa de framboesas
 
Lave-as e seque-as bem e só as coloque quase na hora de servir porque frutas vermelhas soltam muita água. Coloque as frutas por cima da ganache como nas fotos.
 
Compre uma geléia de brilho vermelha (pode ser incolor também) prepare conforme a embalagem e jogue delicadamente por cima das frutas. Mantenha em geladeira até a hora de servir.
 
Não aconselho fazer esta torta de véspera, fica bem melhor se servida no mesmo dia, desde que respeitados todos os tempos, pois é uma torta bem delicada e trabalhosa, mas vale muito a pena. Tá, você pode fazer a massa e o brigadeiro no dia anterior, mas só acrescente as frutas no último momento.
 
Bjs de estrelas.
 
Téia e Miltão.

 

 

Cheesecake com Calda de Frutas Vermelhas e o Natal

 
059-49


Gente, passei aqui para falar do Natal aqui de casa. FOI ÓTIMO!

 Foi íntimo, mas com a família e amigos queridos. Começou as 19h e acabou as 2h. Olha que legal!!!
 
Mamy caprichou na decoração e na ceia.
 
Tivemos leitoa, camarão com creme de abóbora, bolinho de bacalhau, couve flor cremosa com presunto, torta de nozes e cheesecake. Eu contribui com os acompanhamentos que foram farofa de damasco e pistache e arroz de amêndoas, além do cheesecake.
 
Olhem as fotos da mesa que lindas.
 
A Decoração
 
 
 
As guloseimas
 

Depois fomos a casa de nossos compadres Greg e Ana e encontramos com a Tina e toda a família que adoramos. Claro que não comemos mais nada, quer dizer, só uma sobremesa deliciosa, mas foi pura gula. Ficamos batendo papo e tomando espumante até tarde, mas passou muito rápido, como tudo o que é bom.
 
Bem, a receita que escolhi da Ceia, como podem ver pelo título é a Cheesecake.
 
Modéstia a parte, esta receita é ótima, sempre dá certo, coisa rara neste tipo de sobremesa, só fiquem atentos ao tempo de forno. Fica fofinho e doce na medida certa e a calda é divina.
 
Demorei algum tempo para encontrar uma receita que me agradasse, principalmente porque a massa de biscoito geralmente usada para esta sobremesa acaba queimando um pouco e isto me desgostava demais. Para mim é a receita perfeita.
 
Espero que façam e descubram como é uma cheesecake com sotaque francês.
 
Massa:
 
100g de manteiga GELADA cortada em pedacinhos
165 g de farinha de trigo
60g de açúcar
1 gema
 
Coloque em uma vasilha a manteiga, a farinha e o açúcar até virar uma farofa, acrescente a gema até se tornar uma bola que solte das mãos.
 
Forrar uma forma redonda de 24 cm de diâmetro, untada, com esta massa, deixendo-a bem fininha, furá-la e reservar na geladeira enquanto faz o recheio.
 
Recheio
 
600 g de cream cheese
2 ovos
240g de açúcar
45g de farinha de trigo
2 colheres de chá de raspas de limão
60ml de creme de leite de caixinha
2 colheres de chá de extrato de baunilha ou uma fava
 
Bater todos os ingredientes no processador, até borbulhar. Colocar na forma.
 
Levar ao forno pré-aquecido (10 m a 180ºC) por 15 minutos a 115ºC e mais 5 minutos a 200ºC. Até ficar alto e firme, mas com o centro ainda um pouco mole. O meu forno novo começa em 180ºC, então, coloquei a 180ºC por 30 minutos.
 
Levar a geladeira por no mínimo 6 horas.
 
Calda:
 
500g de morangos
250g de framboesa
250g de amoras
300g de açúcar
2 paus de canela
50 ml de água
50 ml de cointreau
 
Leve ao fogo baixo por 30 minutos mexendo de vez em quando. Sirva gelada sobre a torta.
 
Bj a todos.
 

Comidinha de marido para o Dia dos Super Pais!!!!

Caríssimos:

Esta semana meu super marido me fez um jantar surpresa com um cardápio chiquérrimo e caprichado, uma bisteca com molho de ervas e laranja e um arroz com morangos e parmesão. Olha que legal!!! Adorei queridão.

Resolvi escolher esta receita pela data, porque tenho certeza que ele será UM SUPER PAI, assim como é um marido maravilhoso. É só ver o jeito que cuida a Bebel, é muito cuidadoso, carinhoso e preocupado, super fôfo de se ver.

Miltão, vamo que vamo, este ano ainda não deu, mas ano que vem seu Dia dos Pais vai ser diferente, com você sendo UM SUPER PAI, babão e querido.

Neste dia não posso, nunca, deixar de homenagem o MEU PAI. ELE FOI O MELHOR PAI DO MUNDO, e em meu coração vai ser sempre a pessoa mais linda, especial, generosa, iluminada, carinhosa e amada por mim. Apesar de ter ido muito cedo para companhia de Deus, aproveitei MUITO, MUITO, mas queria ter aproveitado MUUUITO MAIS.

PAI, daí onde você está, receba um SUPER BEIJO, UM ABRAÇO DAQUELES BEM APERTADOS que sempre nos dávamos, um super sorriso, meu eterno agradecimento e minha constante saudade. Muito obrigada por ter me ensinado tanta coisa que me orgulho de ser e até de ter, principalmente sua bondade, aceitação ao próximo, otimismo e alegria constantes.

Espera aí, que quando Deus quiser vou aí te rever. Combina com ele para você ser o primeiro a me receber. AMOR ETERNO, SEMPRE.

Este dia, como podem perceber, me deixa um bocado emotiva, mas não triste, Deus me deu o melhor pai do mundo, mesmo que por menos tempo do que desejava, agradeço demais por isto.

Todos os pais aí, PARABÉNS, aproveitem seu dia e deem muito amor, exemplo e atenção a seu filho, é o que eles vão se lembrar.

Agora que já estou com lágrima nos olhos, vamos a receita. Não tem receita certinha, até porque não fui em quem fiz.

Tempere a costela de porco com ervas como manjericão, alecrim, salsinha, pimenta do reinho preto, suco de 1 laranja, 1 colher de sobremesa de óleo de gergelim e deixe marinando por meia hora. Leve ao forno até ficar bem douradinho, por aproximadamente 1 hora a 240º C.

Para 2 xícaras de arroz integral , acresente 6 morangos bem picadinhos e 2 colheres de sopa de queijo parmesão ralado por cima e aqueça no micro.

Très chic!!!!

Hoje comemoramos com a minha família, e o homenageado era o meu irmão, pois era o único pai por aqui. Foi feijoada e um pavê delicioso. Posto já, já…

Bj a todos.

 

Salada refrescante de morango, pêra, passas, castanhas, legumes, creme de atum e molho de mostarda

Para compensar o post anterior, SUPER CALÓRICO, um post curto e uma receita leve, saborosa e bem menos engordativa.

Estou tentando me controlar na comelança (lembram dos 6 kg a mais, pois é), por isso, sempre que o tempo sobra, faço uma saladona, bem substanciosa, com um molho caprichado e um suco de frutas natural. Ficamos devidamente satisfeitos, e a culpa passa longe.

Além disto, o calor aqui no Planalto está demais, só mesmo uma frescurinha desta para ficarmos felizes. E ficamos!


Esta receita fiz sem medir quantidades, com o que havia na geladeira, e ficou ótima.

Para o creme de atum: 1 lata de atum em pedaços na água, 2 colheres de sopa de creme de leite light, 1 colher de sopa de coentro e 1 colher de chá de sopa de cebola e 1 colher de chá de azeite. Misturei bem e levei ao freezer enquanto picava o resto da salada e fazia o molho.

Para a base: Usei algumas folhas de alface, pedaços pequenos de 1 pêra (pinguei limão) e 10 morangos, 1/2 beterraba, 1 tomate e 6 castanhas do pará.

Para o molho: 3 colheres de sopa de creme de leite, mostarda a gosto e uma colher de sopa de mel. Misturei com um fuet.

Coloquei o atum no meio do prato, arrumei os demais ingredientes e joguei o molho por cima.

Tomamos com um chá mate batido com limão e adoçante.

Deu 2 pratos grandes para os 2 lights (uhum) aqui de casa.

Bjs fresquinhos a todos.

 
 

Pavê de Morango e Chocolate Branco e Preto

 


Se tem uma sobremesa que me deixa de água na boca e com olhos esbugalhados, é o pavê. Para quem gosta de cozinhar, dá para criar muito, as variações são imensas e sempre há uma novidade.
 
Outra vantagem dos pavês é que é difícil alguém não gostar, ou seja, é uma boa idéia para encontros onde estarão várias pessoas e seus gostos particulares. Eu sempre tenho que levar isto em consideração, pois quase toda semana alguém me pede para levar uma sobremesa para uma festa ou um aniversário. Caso não me peçam, me ofereço porque adoro fazer (e comer, claro) coisas doces.
 
Ultimamente por aqui só tenho feito doces para as visitas e os eventos, pois os quilinhos ainda me acompanham, embora já tenha perdido 6 quilos, ainda falta a mesma quantidade para chegar a meu peso ideal. Então, aproveito para levá-los para um lugar em que possa comer um pouco e não ficar na geladeira me “chamando” a comer mais.
 
Esta sobremesa peguei do blog do Beto, Receitas Passo-a-Passo, e fica maravilhoso, os dois cremes de chocolate branco e amargo, os biscoitos e os morangos ficaram perfeitos juntos. Fiz algumas alterações, que coloco em vermelho.
 
Receita:
  • 1 barra de chocolate branco (170 g) ralada.
  • 1 barra de chocolate meio-amargo (170 g) ralada.
  • 5 gemas de ovos peneiradas (usei 3)
  • 1 lata de leite condensado
  • 1 colher de sobremesa de baunilha
  • 2 caixinhas de creme de leite
  • 5 colheres de sopa de amido de milho
  • 5 colheres de sopa de achocolatado
  • 1700 mL de leite (usei 3 latas do leite condensado)
  • 1 caixinha de morangos (usei 2 caixinhas)
  • 1 pacote e meio de biscoitos champagne (usei biscoitos maisena, na próxima usei bolo de chocolate ou de baunilha, não sou muito fã dos champagnes)
  • 3 colheres de sopa de chocolate em pó
  • 2 xícaras de chantilly pronto (usei aqueles bate chantily)
    • 1/2 xícara de leite, 1 colher de sopa de conhaque e 2 colheres de sopa de açúcar (para molhar os biscoitos)

Levei ao fogo o leite, o leite condensado, o amido, as gemas, a baunilha e o açúcar até virar um creme, acrescente o creme de leite ao final. Separe o creme em dois, e ainda quente acrescente metade do chocolate branco e na outra metade o amargo e o chocolate em pó. Espere ficar de morno para frio para montar o pavê.

Coloque biscoitos molhados no fundo, metade do creme escuro, morangos picados grosseiramente, biscoitos molhados, todo o creme branco, morangos picados, biscoitos molhados, o restante do creme escuro, morangos e cubra com o chantilly. Eu coloquei no saco de confeitar e fiz pitangas.

Delicie-se!!!!

 

Bj a todos.
 
Téia.
 
 
 
 

Torta de Morangos com Corações

 



Amigos, volto com uma torta feita para comemorar os nossos 10 anos de casamento. Fizemos uma pequena e simples recepção, com muito carinho, apenas para os padrinhos e família. Fiquei a semana toda trabalhando nela e por isso não consegui postar e muito menos visitar as cozinhas amigas.

Fiz de entrada uma mesa de frios, queijos, patês e frutas secas.
 
De prato principal o Loló de Camarão, o Filé com Queijo Coalho e Molho de Melado e com Molho de Cogumelos Funghi, Paris e Shiitake, arroz com amêndoas e salada quente.
 
De sobremesa, uma mesa de docinhos: nozes, trufa de canela com castanha, cereja e trufa de limão, mas a estrela da noite foi a torta de morangos (pelo menos para mim), com cobertura de pasta americana e cheia de corações. Sofremos para fazê-la, é difícil trabalhar com esta massa, mas para a primeira vez, ficou legal…
 
 
A festa foi feita a 6 mãos: eu, minha mãe e minha secretária, braço esquerdo e direito.
 
De lembrança muffins de chocolate, idéia da Glau que o fez para o niver do marido, embrulhada com a idéia da    Lê na festa das blogueiras.
 
Fiz ainda uns arranjos com flores do campos e gérberas, para variar, coloquei nos vasos os lindos limões do meu quintal. É uma idéia simples e barata, porém de efeito para uma festinha informal.
 
 
 
 
 
 
Aqui fica a foto e a receita da minha torta de morangos, com muitos corações, representando uma pequena parte do meu amor pelo Miltão, cheio de açúcar e afeto. Como dizia no cartão da lembrança: espero encontrá-los nos nossos 20 anos de aniversário.
 
 
 
Torta de Morangos
 
Pão de Ló
 
6 ovos
1 xícara de água fervente
2 xícaras de açúcar
2 xícaras de farinha de trigo
1 colher de sobremesa de fermento em pó
1 colher de chá de extrato de baunilha
 
Bater na batedeira as 6 gemas e juntar a água as colheradas, até formar uma massafofa e volumosa, acrescentar o açúcar as colheradas. Desligar da batederia e misturar na mão a farinha e o fermento. Bater as claras em neve e acrescentar delicadamente. Levar ao forno pré-aquecido por aproximadamente 30 a 40 minutos em fogo brando, de 180 a 200ºC, em fôrma redonda de 30cm.
Esperar esfriar e cortar o bolo em 3 partes.
 
Recheio
 
1 lata de leite condensado
1 lata de leite de vaca
4 gemas coadas
1 colher cheia de sopa de maisena
2 colheres de chá de extrato de baunilha
1 lata de creme de leite sem soro
2 caixas de morangos
 
Cozinhar em fogo brando até engrossar e virar um mingau. Minha dica é misturas sempre com fuet, evita bolinhas. Acrescentar 1 lata de creme de leite sem soro, depois de frio.
 
Rechear o bolo com o creme frio e os morangos picados.
 
Para cobrir o bolo, comprei 2 pacotes de pasta americana, sendo que usei uma e meia para a parte branca e 1/2 pacote tingido de vermelho para os corações, feitos com cortadores de biscoitos.
 
Para grudar a massa ao bolo, e os corações a cobertura,usei doce de leite pastoso.
 
Um beijo a todos.
 
37 Comentários

Publicado por em 03/06/2009 em amor, aniversário, banquetes, morangos, tortas

 

Creme de Bacuri com Coulis de Morango

 

Creio que poucas pessoas conhecem esta maravilhosa fruta chamada bacuri, aqui no lado debaixo do Brasil, até porque é uma fruta típica do Norte, sendo também utilizada no Nordeste nos estados do Piauí e do Maranhão. 
 
A primeira vez que provei foi em forma de sorvete caseiro na casa de umas amigas piauienses, ainda adolescente. Foi paixão a primeira vista, não conseguia parar de comer….e anos se passaram…até que o super brother começou a trazer a polpa em pedaços do bacuri lá do Norte e pude reproduzir a receita assim meio na intuição.
 
É uma fruta extremamente aromática, lembra um pouco o cupuaçu, é azedinha, e as musses e cremes ficam muito macios pois sua polpa é carnuda e suculenta. Não é fruta para se comer pura, coisa que adoro, é para receitas, que adoro mais ainda, como vocês já sabem…hehehe…
 
Apresento a vocês, o Bacuri….
 
Resolvi fazer um coulis de morango para dar uma corzinha, e ficou uma boa mistura, mas é dispensável. Agora, que a foto fica melhor com esta cor, não há dúvidas. Aliás, quero deixar registrado aqui a minha implicância pelas comidas brancas e bejes, não fotografam bem, é uma tristeza…
 
Uma boa receita!
 
Já fiz tem um tempinho, mas o gosto ainda está na minha boca….
1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite
1 lata de polpa de bacuri
 
Bata por 5 minutos no processador, cuidado com o liquidificador porque a massa é pesada. Leve para gelar.
 
Sirva bem gelado.
 
1/2 caixa de morangos
1/2 copo de água
1 colher de sopa de açúcar
1 colher de sopa de limão
 
Bata no liquidificador até ficar fininho.
 
Enfeite o creme com o coulis e o restante sirva à parte.
 
Exótico!!!
 
Bj a todos.
 
Téia.