RSS

Arquivo da categoria: banquetes

Palha Italiana de Nozes

MJ9Estudio-15

A minha mãe faz um bombom de nozes que é o melhor do mundo. TODO MUNDO QUE COME FICA LOUCO.

Ela passa a receita para todo mundo, e eu mesma já ajudei a distribuir por aqui, neste post, mas nunca fica igual.

Então, estava com uma vontade louca de comê-los, mas não tinha chocolate para cobrir e não queria ter que modelar um a um. Pensei, vou fazer uma palha italiana, que é brigadeiro com biscoito maisena em pedaços, só que com a massa dos bombons de nozes e mais uns pedaços de nozes no meio.

Saiu esta receita. Claro que não fica delicado e fino como os bombons, mas fica muito bom também.

É muito rápido de fazer e de comer mais ainda.

Receita:

1 lata de leite condensado cozido

2 gemas

1/2 lata de nozes moídas

1 colher de sopa de manteiga

1 colher de sopa de chocolate em pó

1 pacote de biscoitos maisena cortado em pedaços pequenos, mas sem virar pó

12 pedaços de nozes cortadas em pedaços grosseiros

Leve os cinco primeitos ingredientes ao fogo até o ponto de brigadeiro de enrolar. Tire do fogo, inclua as nozes e os biscoitos e mexa delicadamente até incorporar.

Coloque em uma fôrma, nivele, espere esfriar e leve a geladeira por 1 hora.

Corte em quadrados (eu cortei no meio e viraram triângulos) e passe no chocolate em pó, só para não ficar grudando nas mãos.

MJ9Estudio-22

Bj a todos.

Téia.

 

Cassoulet de Frutos do Mar ao Curry

MJ9Estudio-3 (1)

Vocês sabem que casssoulet é uma espécie de feijoada com feijão branco, né?  Então, esta receita é um prato com feijão branco, mas é a única coisa em comum com um Cassoulet, o resto é uma total releitura.

Tem mais de um ano que ensaio esta receita. Vivia adiando fazê-la por vários motivos, não tinha os ingredientes, nem oportunidade, preguiça, etc.

Enfim, no final de semana passado resolvi fazer e estou muito arrependida…..DE NÃO TER FEITO ANTES…

Ficou MUITO BOM. Modéstia à parte. Aliás vi uma frase outro dia que me dá “licença poética” para esta e qualquer outra receita que apareceu ou aparecerá por aqui. Modéstia é para os fracos. KKKK. Frase muito pretensiosa, mas verdadeira.

Sério agora, o molho leva creme de leite fresco, curry e temperos deliciosos, e juntamente com os frutos do mar e o feijão ficou uma proposta bem original e impressionantemente leve, fresca e aromática.

É um pouco elaborada pois temos que fazer o feijão, depois grelhar os frutos do mar e fazer o molho, mas é um trabalho que esquecemos quando provamos a comida.

Típica idéia para inovar e surpreender nosso paladar e nossos convives.

MJ9Estudio-7

Receita levemente adaptada da Revista Casa & Comida de junho/julho de 2012.

Serve 6 pessoas.

1 kg de frutos do mar (lula, polvo e vôngole)

500 g de camarão grande

500 g de feijão

2 cebolas grandes (1 inteira e 1 picada)

1 cabeça de alho cortada ao meio

2 dentes de alho picados

1 folha de louro

4 tomates picados ou 1 lata de molho de tomate caseiro

2 colheres de sopa de tomilho

4 colheres de sopa de salsinha bem picadinha

100 g de manteiga

400 ml de creme de leite fresco

150 ml de vinho branco

1 colher de sopa de curry amarelo

1 pimenta dedo-de-moça picada ou 1 colher de chá de tabasco

Sal e pimenta do reino a gosto

MJ9Estudio-1 (4)

1. Coloque o feijão de molho por no mínimo 4 horas. Gosto de deixar de molho a noite toda. Depois leve-o para uma panela de pressão com a cebola cortada em dois grandes pedaços, a folha de louro, e a cabeça de alho cortada na metade e um pouco de sal. Cozinhe-o até os grãos ficarem macios, mas cuidado para não deixá-los  muito moles pois serão mexidos com os frutos do mar e com o molho. Reserve.

2. Tempere os camarões e os frutos do mar com sal e pimenta-do-reino. Reserve

3. Leve a uma panela metade da manteiga e um fio de azeite e frite a cebola, doure o alho e  acrescente a pimenta dedo-de-moça. Inclua o tomilho e o curry e espere aquecer.  Ponha os tomates picados, ou o molho de tomate e aqueça.Inclua o vinho branco e espere evaporar o álcool, coloque o creme de leite e deixe por 5 minutos ou até reduzir ligeiramente o molho. Coloque o sal e a pimenta do reino. Reserve.

4. Grelhe os camarões e os frutos do mar em uma frigideira com o restante da manteiga e o azeite, em etapas, aos poucos. Isto evita que eles soltem muita água. Reserve.

5. Coloque em uma panela grande os feijões, os frutos do mar e o creme de curry. Por último inclua a salsinha e acerte o sal.

Sirva rapidamente com arroz de coco.

MJ9Estudio-5 (2)

Para 6 xícaras de arroz pronto inclua um pacote de 50 g de coco seco em flocos queimado. É só fritar ligeiramente em frigideira anti aderente em fogo médio até dourar.

Bj a todos.

Téia.

 

Torta de Bis e M&M’s – Passo a Passo

MJ9Estudio-21

Oi queridos!

Como foram de Natal e Ano Novo???

O meu Natal teve esta torta, nada mal, né?

A Torta é linda e maravilhosa, é uma ideia que circula na internet há tempos, mas quase sempre é feita para cobrir bolos, e eu queria uma sobremesa cremosa. O gosto estava ótimo, mas havia excesso de gelatina nos recheios. Já fiz as devidas alterações e creio que agora ficará perfeita.

Eu já havia percebido na receita que seria excessiva a gelatina, ainda mais se tratando de recheio com chocolate em barra que costuma ficar bem firme depois de gelado, mas como iria ser transportada por quase uma hora não quis arriscar derreter.

Acho esta ideia ótima, tem um impacto lindo e não precisa saber confeitar. Como era para o Natal, eu somente utilizei os confeitos vermelhos, laranjas, verdes e marrons e retirei os amarelos e azuis. Da próxima vez vou fazer retirando somente os azuis pois os considero infantis.

A cor da fita também é importante, use sua criatividade para deixá-la mais linda ainda e adaptar a sua ocasião. Ah, façam um laço menor que vai ficar mais delicado. Só observei que estava grande aqui nas fotos.

É claro que dá para variar usando confetes no lugar dos M&M’s e KitKats no lugar do Bis, e até canudos de waffer. No caso dos KitKats, observem que eles são bem mais altos que os Bis e a quantidade do recheio terá que ser adequada.

Desta vez, milagrosamente, eu me esforcei e fiz o passo a passo (será que foi uma nova decisão para 2013?

É legal fazer o Passo a Passo, ajuda na montagem e mostra a beleza das camadas que só as sobremesas podem nos proporcionar, kkk…

Vamos a Receita da Torta de Bis e M&M’s gelada, cremosa e crocante.UAU!!!
Ingredientes
1 pacote e meio de biscoito maisena de bolacha
1 caixa de Bis preto, pode ser o de avelã
1 caixa de Bis branco, pode ser o de limão também
Para o creme de chocolate
1 lata de leite condensado
1 barra de chocolate meio-amargo (aprox. 200 g)
1 lata de creme de leite sem soro(375g)
1/4 envelope de gelatina sem sabor (3g)
Creme Branco
1 lata de leite condensado
1 barra de chocolate branco
1lata de creme de leite sem soro (375g)
1/2 envelope de gelatina sem sabor (6g)
Crocante de Castanhas
200g de castanhas de caju sem sal, cortada em pedaços pequeno (coloquei dentro de um saquinho e quebrei com o martelo de carne)
5 colheres de açúcar
Modo de Fazer do Crocante de Castanhas
Leve ao fogo o açúcar até derreter e caramelizar levemente, acrescente as castanhas e mexa até misturar bem. Coloque em uma forma pequena ou na pedra mármore e espere esfiar. Quebre em pedacinhos e reserve. Observe as fotos.
Modo de fazer da torta:
Molhe as bolachas num pouco de leite e faça o fundo da torta em uma forma de aro removível. Coloque as barrinhas de chocolate Bis na lateral, lado a lado, alternando a cor preta e branca. Preencha toda a lateral da forma.
Derreta o chocolate branco no microndas, misture o creme de leite e o leite condensado com um batedor. Dissolva a gelatina em pó, conforme instruções da embalagem, e adicione-a ao creme de chocolate e mexa bem. Deixe ficar um pouco consistente, mas não muito, senão fica difícil de espalhar.
Faça o mesmo procedimento com o chocolate. Monte a torta espalhando uma camada de chocolate branco sobre o fundo e sobre este uma camada de bolachas molhadas no leite, espalhe o do crocante de castanhas; por fim adicione o creme de chocolate preto. Leve-a para gelar no freezer ou congelador por 4 horas e depois desenforme com cuidado, mas fique tranquilo, a torta sai super fácil. Mantenha na geladeira. Pode ser congelada por 60 dias.
Finalize com os confeitos M&M’s e arremate com a fita que além de embelezar garante que os chocolates não desgrudem.
IMPORTANTE: As camadas não devem ultrapassar a altura da barrinha lateral de Bis, pois não se conseguirá desenformar a torta.
Agora o Passo a Passo.

Vamos lá:

Passo 1: Cubra o fundo de uma forma com aro removível untada com manteiga com biscoito molhado ligeiramente no leite.

Passo 2: Intercale os bis branco e preto na lateral da forma

MJ9Estudio-2

Olha como fica linda montadinha a base…

MJ9Estudio-3

Passo 3: Jogue o creme de chocolate branco por cima.

MJ9Estudio-4

Passo 4: Cubra com uma camada de biscoito maisena molhado em leite.

MJ9Estudio-6

Passo 5: Por cima dos biscoitos jogue o crocante de castanhas

MJ9Estudio-11

Passo 6: Inclua o creme de chocolate preto.
MJ9Estudio-12
MJ9Estudio-13
Passo 7: Depois da torta gelada acrescente os M&M’s e faça o laço
MJ9Estudio-23
Passo 8: Esta é a melhor parte, corte uma fatia e coma…
MJ9Estudio-26
Bom apetite!

Eu gostei muito, façam e me contem.

Bj grande.

Téia.

 

Rabanada de Panetone

MJ9Estudio-2

Tem receitas aqui em casa que são feitas exclusivamente para o maridão. Esta é definitivamente desta categoria.

Primeiro porque eu não gosto de panetone e segundo porque não adoro rabanada, então, esta receita foi totalmente altruísta, kkk…

Mesmo assim, desde que a vi neste querido blog, no ano passado, sabia que ele gostaria. Fiz umas pequenas alterações, apenas para ficar menos doce, mas foi só.

Levou um ano, mas agora ela está aí e apesar de não ser da minha preferência, achei bem gostosa, embora um pouco doce demais devido ao panetone e as frutas cristalizadas, mas tem a vantagem de ser um tipo diferente de rabanada, não é?

Caso queiram uma receita menos doce, usem o pão francês amanhecido ou pão sovado, que vai ficar tão bom quanto.

Receita

1 panetone com frutas cristalizadas de 500g

2 ovos batidos ligeiramente com um garfo

3/4 de uma lata de leite condensado

1 medida cheia da lata de leite comum

1 colher de sobremesa de extrato de baunilha

3 colheres de sopa de açúcar refinado

1 colher bem cheia de canela em pó

Fios de óleo para fritura.

Corte o panetone em 10 pedaços. Faça assim: coloque o panetone deitado em uma tábua e corte em cinco pedaços, depois coloque em pé novamente e corte no meio.

Pegue três pratos fundos e coloque os ovos batidos em um, a mistura do leite condensado, leite e baunilha ligueiramente mexida no segundo e o açúcar e a canela misturadas no terceiro. Coloque os três um ao lado do outro.

Pegue uma frigideira anti-aderente e coloque para aquecer em fogo médio/baixo, inclua uns fios de óleo de milho ou canola para fritar e deixe aquecer.

Pegue as fatias de panetone e passe ligeiramente nos ovos, batendo um pouco no prato para tirar o excesso, depois na mistura de leite bem rápido, tipo 2 segundos em cada lado para não encharcar, e frite na frigideira, um pedaço de cada vez. Depois que dourar nos dois lados, retire da frigideira e passe no prato com o açúcar e a canela até cobrir toda a fatia.

Eu gosto de comer quente.

Fica aqui a minha dica para o Natal deste ano.

Bj a todos.

Téia.

 

Como faz estrogonofe?

Mesmo sendo considerado por muitos uma comida batida, e até meio brega (já falei disso aqui), conheço pouca comida tão deliciosa, prática, versátil e que todos adoram, as crianças, os adultos, homens e mulheres. É um prato tão típico brasileiro, embora tenha origem russa, que até seu nome já foi “abrasileirado” (strogonoff já era).

Faço esta receita desde sempre, a primeira que usei veio do site da Nestlé, que adoro, mas já alterei tanto que já virou um mix. Como toda receita, é apenas uma referência, vá alterando ao seu gosto.

Eu, por exemplo, gosto dele mais vermelhinho e então acrescentei um tomate a mais e uma colher de catchup e molho inglês, Ah, e só uso filé mignon ou frango. E na falta dos champignons, não me aperto, uso milho. Querendo arrasar, use shiitake, fica muito mais fino.

Outras dicas para evitar que o molho talhe, muito comum nesta comida, use o creme de leite em caixinha, aliás, esta dica vale para qualquer prato salgado.  E não precisa deixar o estrogonofe fervendo muito tempo. Aqueceu bem, apareceu as primeiras bolhinhas desligue o fogo. Seu molho vai ficar bem cremoso.

Enfim, estrogonofe é sempre uma boa pedida.

Bom apetite!

  • 4 colheres (sopa) de manteiga
  • 1 kg de carne em tiras finas (filé mignon, contra-filé, alcatra)
  • 2 cebolas picadas
  • meia colher (sopa) de sal
  • 1 pitada de pimenta-do-reino
  • meia xícara (chá) de conhaque
  • 200 g de champignons em conserva fatiados
  • 4 tomates , sem pele e sem semente, picados
  • 2 colheres (sopa) de catchup
  • 1 colher (sopa) de mostarda
  • Molho inglês a gosto
  • 2 caixinhas de creme de leite
Modo de Preparo
Em uma frigideira grande, derreta três colheres (sopa) da manteiga, e doure a carne, aos poucos, em fogo alto, para não juntar suco. Reserve a carne, coloque na frigideira a manteiga restante e refogue a cebola. Junte a carne, tempere com o sal e a pimenta-do-reino. Despeje o conhaque, deixe aquecer e incline levemente a frigideira para que o conhaque incendeie. Deixe flambar até acabar a chama e junte os champignons. Acrescente os tomates, o catchup e a mostarda e misture bem. Abaixe o fogo, tampe a panela e deixe por cerca de 5 minutos. Incorpore delicadamente o Creme de Leite e retire do fogo antes de ferver. Sirva a seguir com arroz branco e batata palha.
Mais Dicas:
– Para que a carne fique macia e suculenta, ela deve ser preparada em fogo alto e aos poucos.
– Querendo, substitua a carne pela mesma quantidade de filé de frango em tiras finas ou camarões limpos.
– Flambar é a técnica de incendiar os alimentos com bebidas alcoólicas. Desse modo, o álcool evapora e obtemos apenas o aroma da bebida usada.
Bj a todos.
Téia.
 
8 Comentários

Publicado por em 23/07/2012 em banquetes, carnes, prato principal

 

Geleia de ameixas frescas

Hoje “tive” que vir postar, o maridão puxou minha orelha dizendo que este site é de receitas (e não literário), e que já havia passado muito tempo desde o post do lançamento do seu livro. By the way, foi ótimo.

Ele tem toda razão, então aqui estou com esta simples, mas linda receita.

Essa é somente a melhor geleia que já comi, essas frutas são muito aromáticas e servem muito para este fim. Fora a cor que ficou linda.

A receita peguei na Pat e seu maravilhoso e famoso blog, mas fiz minhas alterações. Já fiz da mesma forma que está na receita e ficou perfeita com as cerejas, mas não é época, então optei por fazer somente com as ameixas.

Aconselho não alterar as quantidades porque fica perfeita.

Receita:

1 kg de ameixas maduras, sem os caroços e em cubinhos de pouco mais de 1cm
1/4 xícara (60ml) de suco de laranja fresco
1 e 1/2 xícaras de açúcar refinado, pode ser o cristal também
1/5 xícara de suco de limão siciliano fresco

Misture as as ameixas e o suco de laranja em uma panela grande – não use panela de alumínio, cobre ou ferro. Leve ao fogo alto, mexendo com freqüência, até começar a ferver. Reduza para fogo médio-baixo e continue cozinhando, mexendo com freqüência, até que as frutas fiquem macias, cerca de 15 minutos.

Junte o açúcar e o suco de limão e deixe ferver novamente. Continue cozinhando em fogo médio-baixo, mexendo freqüentemente, até que as frutas se desmanchem e formem um purê pedaçudo, cerca de 20 minutos – as ameixas se dissolveram completamente.
Deixe esfriar completamente, transfira para vidros e guarde na geladeira.

Bj a todos.

 
4 Comentários

Publicado por em 02/07/2012 em banquetes, doces, lanchinhos, Uncategorized

 

Tags:

Brigadeiro Gourmet

Tá, eu sei, brigadeiro gourmet é o que mais tem na internet, mas eu tenho o direito de colocar a minha versão, certo?

Basicamente o que torna um brigadeiro gourmet são os ingredientes especiais, comprados com mais critério.

No meu caso optei por utilizar no lugar do chocolate em pó, o chocolate em barra amargo a 70% (usei chocolate da kaesbisch, uma loja aqui de Brasília com confecções em chocos belgas)

Acrescentei um pouco de canela e cobri com xerém de castanha de caju.

Ficou delicioso e menos doce do que os comuns. Além disso a textura fica mais durinha, mas ainda derrete na boca, como todo brigadeiro deve ser.

Vale super a pena investir em ingredientes diferenciados, pois tornará o seu brigadeiro especial.

Então, rendeu 12 brigadeiros grandes.

Receita:

1 lata de leite condensado (Moça, por favor)

1/2 caixinha de creme de leite

1 colher de sopa de manteiga da boa (usei Aviação)

100g de chocolate belga em barra a 70%

1/2 colher de chá de canela (o mais a gosto)

Xerém para cobrir

Derreta o chocolate com o creme de leite no microondas por 1 minuto e 1/2 e mexa até derreter o chocolate.

Junte estes ingredientes em uma panela e leve para o fogo até dar o ponto de brigadeiro de enrolar.

Aqui fica a dica: para saber o ponto de enrolar, coloque um copo com água gelada enquanto faz o brigadeiro, quando o fundo aparecer e a massa ficar pesada para mexer, pegue uma colher de chá e tire uma bolinha do brigadeiro e jogue dentro do copo com água. Deve formar uma bolinha que não desmancha na água.

Espere esfriar, enrole os brigadeiros e passe no xerém de castanha.

Amo, para mim é um dos melhores doces que existem.

Bj a todos.