RSS

Arquivo da categoria: amigos

Nota

Amigos queridos:

Mesmo após 2 meses sem postar, as estatísticas do blog me avisam que ainda recebo centenas, e até milhares de visitas diárias. Isto me lembra que tenho pessoas que me são fiéis e que devo voltar aqui para postar e retribuir o carinho. Carrego uma pequena culpa por não vir tanto quanto gostaria.

É uma grande pena, não ter tempo ou disposição para vir sempre aqui. Minha vida está cada vez mais corrida e apesar disso tenho cozinhado um bocado, mas com poucas novidades, além disto, quase sempre é para receber amigos e família, e na confusão das reuniões, acabamos esquecendo de fotografar. Fazer comida, nem sempre gera um post pois tem que ser especial.

Enfim, queria agradecer demais as pessoas lindas e pacientes que vêm me visitar e pelas as quais tenho muita gratidão.

Prometo me esforçar mais e vir aqui deixar uma receita ou dica para vocês.

Resolvi voltar hoje porque tenho uma receita bem legal: um bolo de aniversário de chocolate. Uma idéia simples, recheado de doce de leite e  nozes e coberto de chocolate, mas feito com carinho para uma amiga/irmã muito querida e amada, que é minha leitora assídua, a  Bia, em seu aniversário semana passada.

Esta receita deu super certo, e quem fez foi minha super secretária, eu só dei a ideia do recheio e a cobertura, esta sim eu fiz. A decoração também foi minha. Usei xerém de castanha de caju, granulado de bolinha e uns bombons que ganhei na Páscoa.

Uma dica: dá para fazer só a receita do bolo e comer purinho, vai ficar muito bom com um café.

Vamos a receita:

Bolo de chocolate

3  xícaras de farinha de trigo

2 xícaras de açúcar

1 xícara de óleo de milho ou canola

1 xícara de chocolate em pó

3 ovos

1 colher de sopa de fermento em pó

Bata tudo na batedeira e no final o fermento em pó. Leve ao forno pré-aquecido a 200º C, em forma untada e esfarinhada entre 40 e 45 minutos. Faça o teste do palito, se sair seco está pronto. Deixe esfriar completamente e corte ao meio.

Recheio

1 lata de leite condensado cozido por 50 minutos depois de apitar

1/2 xícara de nozes (era o que tinha em casa)

Misture os ingredientes e recheie o bolo.

Cobertura

1/2 barra de chocolate meio amargo

1/2 barra de chocolate tipo diamante negro

1 colher de sopa de cacau em pó

1 caixinha de creme de leite

1/2 lata de leite condensado

Levei todos os ingredientes ao microondas e fui verificando a cada minutos até derreter o chocolate e ficar cremoso.Creio que levou uns 3 minutos. Veja como ficará no seu. Espere esfriar e cubra o bolo.

Para enfeitar:

1/4 de xícara de granulado de bolinha

1/2 xícara de xerém de castanha de cajú

2 bombons de chocolate meio amargo Ferrero Rocher (cortei ao meio)

2 bombons de chocolate ao leite Ferrero Rocher (cortei ao meio)

4 bombons de chocolate branco e côco Ferrero Rocher

Use a foto lá de cima como referência.

 

Para todos um abraço bem apertadinho e meu obrigada, sempre.

P.s: as fotos não estão maravilhosas, mas dá para ver a ideia, né?

Téia.

Bolo de chocolate recheado de doce de leite

Anúncios
 

Pêras ao Vinho

Hello everybody!

Primeiro dia de férias, e acabou a desculpa pela ausência. Vamos trabalhar no site e descansar fora daqui.

Well, receita fácil e rápida é o que mais tem no banquetes. Esta é mais uma delas.

A motivação para fazê-la, descrevo abaixo:

Fomos em um restaurante maravilhoso (mas “levemente” caro) aqui em Bsb com um casal de amigos (K. e M.) que amamos de todo o coração, irmãos mesmo, e ao final da refeição, na hora da sobremesa, minha amiga fala: -Ah, tem pêras ao vinho, adoro! E eu, metida e mão de vaca: -K. por este preço eu faço para você, come outra coisa que eu não saiba fazer… Ela atendeu e no próximo encontro com os dois levei estas pêras. No mesmo dia ainda tinha uma torta de chocolate e uma sobremesa de morangos com requeijão fantásticas.

Tinha muito tempo que não fazia esta receita e relembrá-la foi ótimo. Acabei fazendo de novo para comermos aqui em casa, eu e maridão.

Qualquer um pode fazer esta receita. Eu disse qualquer um, em K.????

Vamos lá:

Pegue 6 pêras e descasque-as mantendo o cabinho, só para ficar mais bonitinho. Escolha umas pequenas para ficar mais delicado. Coloque-as de molho a medida que for descascando em uma travessa com  água, o suco de 1 limão e uma colher de sopa de açúcar.

Leve ao fogo em uma panela: 1 garrafa de vinho tinto seco (dos bons, em?), 2 xícaras de açúcar, 1/2 xícara de vinho do porto (se não tiver, não tem problema), 2 pedaços grande de canela em pau e 1 colher de chá de baunilha. Quando derreter o açúcar, uns 2 minutinhos, inclua as pêras e deixe cozinhar por uns trinta a quarenta minutos. Elas estarão boas quando ao espetar um palito ou a pontinha de uma faca elas estiverem macias, mas ainda levemente firmes, sem desmanchar. De vez em quando, mexa para que as pêras cozinhem uniformemente. Tire as pêras da calda e as coloque no refratário que serão servidas.

Deixe a calda por mais 5 a 10 minutos até dar uma leve engrossada e junte às pêras.

Leve a geladeira e sirva com sorvete de creme ou baunilha.

Nhami!!!

Bj a todos.

Téia.

 
7 Comentários

Publicado por em 21/11/2011 em amigos, banquetes, doces, sobremesas, Uncategorized

 

Tags: , ,

Festa Brega – As comidas

Algum tempo atrás fizemos uma festa brega na casa de amigos queridíssimos, com a presença de pessoas tão queridas e especiais quanto. Foi uma tremenda brincadeira, em todos os sentidos.

Eu metida que sou já fui apontando o que o coletivo e/ou o que a minha percepção entende por brega, sempre como uma forma de brincar com os padrões estabelecidos. A Culinária também segue tendências e as comidas caem de moda.

As vezes apenas um detalhe deixou a comida brega, por exemplo, o pavê fiz com a cobertura azul, e os docinhos em várias cores, estas cores são extravagantes e fora de contexto para festas adultas, mas ficam lindas em uma festa infantil.

Foi tudo descompromissado, mas ficou bem interessante no todo:

Cardápio:

Para petiscar:

Aqueles salgados de queijo, salsicha e azeitona espetadinhos no melão com papel alumínio, que  o povo costuma chamar de….Sacanagem…

Coxinhas e empadinhas, enroladinhos fritos de salsichas (momento Caco Antibes I).

Como prato principal: que ninguém me mate porque eu também adoro, estrogonofe de  filé, batata palha, arroz branco e claro, salpicão.

Sobremesas: Pavê de Ameixas com Chantily Azul, Docinhos de Leite em Pó Coloridos e, óbvio, cajuzinhos (momento Caco Antibes II).

Estava tudo ótimo, e serviu para lembrarmos como deixamos de lado comidas maravilhosas por puro modismo, ou só as servimos em nossos momentos  íntimos.

Quem disse que risoto é mais chique do que arroz de carreteiro? Frutas vermelhas são melhores do que ameixas e pêssegos? O Coletivo, claro, e nós vamos seguindo assim.

Pensem em uma festa super animada, com verdadeiros momentos felizes, alegres, de relaxamento e descontração. E que lavam nossa alma…

Escolhi o pavê de ameixas, para deixar aqui para vocês.

Receita:

Creme Amarelo

1 lata de leite condensado

2 latas de leite

2 colheres de sopa de amido de milho

1 colher de chá de baunilha

3 gemas sem película (coadas)

Leve ao fogo até ferver e virar um mingau

Doce de Ameixas

1 lata de ameixas em calda sem caroços

1 pouco de água (+ ou – 100 ml)

3 colheres de sopa de vinho do porto

Bata no liquidificador as ameixas em pedaços com a água e o vinho, até virar um purê

Chantilly Azul

3 claras batidas em neve com 3 colheres de sopa cheias de açúcar e algumas gotas de corante azul em gel, até alcançar a cor

Monte colocando uma camada do creme embaixo, uma camada de biscoitos maisena (1 pacote) sem molhar, uma de ameixa, mais biscoitos e por cima o chantily. Enfeite com confeitos coloridos e leve a geladeira por pelo menos 4 horas.

Bjs bregas a todos.

Téia.

 
5 Comentários

Publicado por em 09/10/2011 em amigos, doces, encontros, sobremesas, Uncategorized

 

Tags:

Biscoitinhos de Parmesão, Orégano e Pimenta Calabresa

Amigos:

Ando com muita vontade de comidas reconfortantes, como biscoitinhos, bolos e bolinhos.

Quando penso assim, penso na fôfa da Glau “Quitandoca“. Só para vocês terem uma idéia, fiz três receitas dela só esta semana. Comecei com esta aqui, e ficaram muito gostosos, crocantes e aromáticos, sem contar como é rápido e fácil.

E então, em sua homenagem coloquei os biscoitos em potes coloridinhos e lindinhos. E Miltão tirou fotos lindas. Obrigada aos dois.

Rendeu um montão, fiz com cortadores pequenos e deu umas oitenta unidades. Não se enganem, é muito fácil comer esta quantidade….cuidado aí, em? Eu fui comendo em bocadinhos, de 5 em 5 e pensando como comida faz a gente feliz…

Fiz igualzinho e deu super certo.

– 340g de farinha de trigo
– 100g de manteiga em temperatura ambiente
– 1/4 de xícara (café) de azeite
– 90ml de cerveja (o restante você bebe)
– 10ml de água
– 1 colher (chá) de sal
– 1/2 colher (chá) de pimenta calabresa
– 2 colheres (sopa) de orégano
– 120g de queijo parmesão raladoColoquei todos os ingredientes na batedeira – usei a pá raquete – e bati em velocidade média até que formasse uma massa homogêna. Dá pra misturar na mão só que vai te dar um pouquinho mais de trabalho.

Abra a massa com um rolo e com o cortador fure toda a massa. Coloque numa forma untada e coloque pra assar em forno preaquecido em 180 graus. Levou  uns 40 minutinhos.

 
 
Bj a todos.
 
Téia.
 
12 Comentários

Publicado por em 23/08/2011 em amigos, cozinha amiga, ervas, lanchinhos, pimenta, queijo

 

Tags: , ,

Mini-Cupcakes festeiros de limão e chocolate

Alguns dias atrás, eu e Miltão fizemos 12 anos de casados, rolou, então, uma reunião com a família e os padrinhos, para além de comemorar, não perder a chance de encontrar pessoas tão queridas para nós.

Infelizmente algumas delas não puderam comparecer, inclusive minha família e alguns padrinhos, que estavam viajando, adoentados ou tinham outros compromissos, mas apesar disto foi maravilhoso.

Com minha mãe, irmão e cunhada fizemos uma prévia com risoto de camarão e crumble de maçã. As receitas aparecerão em outras oportunidades.

Então, voltando a comemoração, desta vez, fui quase de convidada, contratei uma turma muito legal que fez crepes deliciosos, e para não dizer que não fiz nada, senão ia ficar doente, como diz o Miltão, fiz uma mesa com cupcakes de limão e chocolate, brigadeiros de potinhos (ovomaltine e capim santo), licores, café, chocolate quente e chá de capim santo.

Hoje vou deixar aqui para vocês a fotos da mesa e as receitas dos cupcakes.

Vista panorâmica da mesa de bebidas quentes, licores e guloseimas

Os licores e atrás o álbum que ganhei de presente com nossos 12 anos de fotos

Vista da nossa área de lazer e a equipe dos crepes em ação

Os brigadeiros - "Reserva 2011"

Já havia feito algumas receitas de cupcakes que não me agradaram muito, mas eis que fui chamada para a inauguração do Espaço Gourmet e Espaço Saúde da chef e amiga Tâmara Rolim (contato@nutichefbrasilia.com.br), e ela fez um cupcake de baunilha com cobertura de chocolate branco que estava desmanchando na boca e super leve.

Ela gentilmente me cedeu a receita base, que passo para vocês. Inclui raspas de limão e chocolate em pó e fiz as coberturas do meu jeito. Caso você tenha dúvidas em fazer cupcakes maravilhosos, pode fazer estes, vocês não irão se arrepender. O povo não parava de comer….

Mini – Cupcakes:

Massa:

250 g de farinha de trigo

200g de açúcar

150g de manteiga

200ml de leite

4 ovos

1 colher de sopa de fermento em pó

Separe as gemas das claras. Bata o açúcar com a manteiga até ficar bem claro. Acrescente as gemas uma a uma e continue batendo, acrescente a farinha e o leite, alternadamente, ouu seja, uma colher de uma e do outro, por fim acescente o fermento. Bata as claras em neve e encorpore à massa lentamente. Leve ao forno pré-aquecido (10 min.) à 200ºC por cerca de 30 minutos. Faça o teste do palito, que deverá sair sem migalhas.

Para os cupcakes de limão acrescentei as raspas de 1 limão a massa antes do fermento. A cobertura foi 1 barra de chocolate branco (170g), 3/4 caixinha de creme de leite, suco de meio limão e as raspas da metade. Aqueci o creme de leite e o chocolate por 1 minuto no microondas. Mexi com um fuet e acresentei as raspas e o suco de limão aos poucos. Observe se você gosta mais ou menos azedinho e reduza ou aumente a quantidade. Passei com um colher em cima dos bolinhos e enfeitei com confeitos coloridos.

Para os cupcakes de chocolate acrescentei 3 colheres de sopa de chocolate em pó junto com a farinha de trigo e ½ barra de chocolate a 70% picadas (pode usar o meio amargo) em quadradinhos e acrescentei à massa. A cobertura foi a outra metade da barra de chocolate, uma caixinha de creme de leite, 1 colher de baunilha, 2 colheres de sopa de leite condensado.

Com esta massa, não há limites para a imaginação, podemos incluir nozes, castanhas, trocar o limão, por laranja ou maracujá, e por aí vai…

Bj a todos.

Téia.

 

 
23 Comentários

Publicado por em 15/06/2011 em alimentando a alma, amigos, Uncategorized

 

Xuxa e Pelé – A Sobremesa

 

O nome desta sobremesa é mesmo muito engraçado. Para começar, se você tem menos de 40 anos, talvez nem saiba que a Xuxa, no começo de sua carreira como modelo, antes mesmo de ser a rainha dos baixinhos, namorou o Pelé. Pois é, na época, era o exemplo pop do casal inter-racial, mais ou menos como é hoje a Heide Klum e o Seal. Por aí, vocês tiram o quando esta receita é antiga. Aprendi com a mãe de duas amigas de infância. E já devem ter percebido que ela é preta e branca.

É realmente uma das receitas que eu mais executei na vida, que mais as pessoas me pedem a receita, para eu fazer, e obviamente, a que mais comi também. Já comi tanto e tanto, que até enjoei um pouco. Não vou dizer que não como de jeito nenhum, mas se tiver outra, vou nela. Isto não a diminue em nada, ela é deliciosa…

Muitos são os motivos para repetí-la: é bem fácil, rápida, é feita com ingredientes que geralmente temos em casa e todo mundo adora. Sem contar que o povo cai na gargalhada com o nome inusitado.

Como esta receita me acompanha há anos, tenho um monte de estórias e de casos a respeito dela. Vou citar três por aqui, uma engraçada, com meu pai como protagonista, e as outras duas com uma amiga querida, que foi o motivo por eu ter escolhido esta receita para postar hoje. A Fátima, amiga do trabalho, nos deixou este mês, foi conhecer Deus e nos deixou aqui morrendo de saudades.

1ª: Comentário do meu pai (chocólatra), toda vez que comia esta sobremesa: -A Xuxa (o chantily) que me perdoe, mas o Pelé (a parte de chocolate) é muito mais gostoso. Kkkkk…

2ª: Um belo dia era aniversário da Fátima, e ela amava esta sobremesa, e eu fiz e levei para comemorarmos. Geralmente, cada um leva um prato ou bebida. No mesmo dia, aconteceu um fato (não foi morte) que impedia a comemoração de qualquer coisa, e ninguém levou nada. Ela nem se abalou: -Não quero nem saber, vamos comemorar assim mesmo, que não vou deixar de comer Xuxa e Pelé. E lá fomos nós em frente a sobremesa e 1 refrigerante para umas 15 pessoas, cantando parabéns bem baixinho, porque ela era muito gulosa e festeira e não ia perder a chance.

3ª: Passados uns 2 anos, eu já havia mudado de Departamento, a minha amiga Ana Paula, que estava grávida, me liga gargalhando e fala: – Téia, tenho uma da Fá para te contar, ela me falou que era para eu dizer que estava com desejo de Xuxa e Pelé, só para ela poder comer…Kkkkk….Cabeça gorda (mas era magra). Caí na gargalhada…

Então, gente, isto é para refletirmos como a comida faz parte de nossas vidas e estórias e nos faz lembrar pessoas que amamos e fatos que vivemos.

Fá, você deixou a gente aqui com um pedacinho do coração vazio, mas sua linda energia estará sempre em nós. Fica aqui minha singela homenagem a você que era tão doce quanto esta sobremesa. Quando eu chegar aí no céu (se Deus quiser) te faço um balde de Xuxa e Pelé e daremos muitas risadas juntas.

Que tal ir agora para a cozinha e fazer esta receita para alguém que você ama? Nunca sabemos quanto tempo estaremos com ela, não é mesmo?

Segue a receita (entre lágrimas)

Creme preto:

2 latas de leite condensado

8 colheres de sopa de chocolate em pó (pode ser Nescau ou similar, mas ficará mais doce)

4 gemas

2 latas de leite (medidas na lata de leite condensado)

1 colher de sopa de manteiga

Leve ao fogo de médio para baixo todos os ingredientes até soltar da panela e virar um mingau, sem parar de mexer. Como o chocolate não é instantâneo, sugiro aquecer meia lata de leite no microondas e acrescentar o chocolate para derreter. Reserve. Deixe esfriar.

Creme branco:

4 claras batidas em neve

4  colheres de açúcar refinado e peneirado

1 pitada de sal

1 lata de creme de leite sem soro ou 2 caixinhas

Bata as claras em neve, com a pitada de sal, e acrescente o açúcar aos poucos. Acrescente o creme de leite.

Coloque em uma vasilha ou bowl, o creme preto por baixo e o branco por cima. Enfeite com granulado ou com chocolate ralado. Dá uma receita grande, costumo colocar em 2 blows com tampa. Rende umas 6 porções em cada e deixo no congelador. Já ficou até durante um mês.

LEVE AO CONGELADOR. Não vira sorvete, fica levemente congelado, mas ainda bem cremoso. Retire uns 5 ou 10 minutinhos antes de servir. 

Bj grande a todos.

Téia.

 

Lanchinho para o Casa na Estrada

E então, para a minha felicidade e alegria, meus amigos queridos Bia e Dig do blog Casa na Estrada estiveram aqui em casa para nos encontrarmos depois de mais de um ano sem nos vermos. Vieram também a filhona e o genro deles e minha mãe.

Dig e Bia

Já falei deles por aqui, vivem uma aventura maravilhosa, conhecendo o Brasil em um motor-home (ai que inveja branca) e vieram matar as saudades da família e dos amigos, para depois votar para o “batente” (cof, cof).

Eles são amigos do coração e já deixaram saudades, são comilões como nós, alegres como nós, então, rimos um bocado e comemos mais ainda, a noite foi mesmo ótima….

Fiz um menu simples, mas feito com carinho: gaspacho, receita já postada no blog, queijo brie com mel e avelãs, aquecido no meu recheaut chiquérrimo, patê de ervas, torta de frango, milho e espinafre, salada de repolho com cenoura, passas e molho de mostarda e mel. De sobremesa cocada de gengibre e limão em copinhos, receita aqui.

Seguem as receitas que escolhi para o post de hoje:

Queijo brie com mel e avelãs

Pegue uma boa peça de queijo brie e aqueça em um recheaut, quando começar a derreter jogue uma boa porção de mel, (usei 1/2 xícara e fui reabastecendo) e 1/5 de xícara de avelãs torradas sem pele (ficaria ótimo também com amêndoas)



Torta de Frango, Milho e Espinafre

Ingredientes (15 pedaços grandes ou 30 pequenos):

Massa:
3 ovos
1 xícara de óleo de girassol ou milho
2 xícaras de farinha de trigo
1 e 1/2 xícara de queijo parmesão ralado
2 xícaras de leite
1 colher de sopa de fermento em pó

Sal a gosto

Bata no liquidificador todos os ingredientes, sendo que o fermento vai por último.

Recheio:
 
300g de peito de frango e/ou sobrecoxas cozidos
1 xícara de espinafre cozido levemente e picado
1 lata de milho escorrido
1/2 lata de molho de tomate pronto
 
Misture com os ingredientes em um recipiente e reserve.

Cobertura:
 
4 colheres de sopa de gergelim branco crú (desta vez não usei pois havia alérgico ao ingrediente)
2 colheres de sopa de queijo parmesão ralado
 
Polvilhe por cima da torta.
 
Montagem:
De baixo para cima:
Massa
Recheio
Massa
Cobertura
Leve para assar em fôrma retangular untada e esfarinhada, em forno pré-aquecido por aproximadamente 30 minutos a 200 graus, ou até ficar levemente dourada.

Dica:
Tortas salgadas ou doces, bolos, pudins, biscoitinhos, pães, etc, têm que ser levados ao forno pré-aquecido, por 10 minutos e o tempo de preparo depende muito do tipo, tamanho e modelo do forno, por isto a cada 10 minutos dê uma olhadinha, se estiver pegando embaixo e ainda crua em cima, suba para a grade mais alta e/ou diminua a temperatura.




Salada de Repolho, Cenoura, Maçã e Passas com molho de mel e mostarda

1/2 repolho cru ralado
2 cenouras cruas pequenas raladas
1 maçã picadinha
1/2 xícara de passas deixada de molho em vinho branco quente por 10 m

Junte tudo em um recipiente e acrescente o molho

Molho

1 caixinha de creme de leite
3 colheres de sopa de mostarda forte

2 colheres de sopa de mel

1 colher de sopa de limão

Bata com um fuet e acrescente à salada

Bj a todos.

 
30 Comentários

Publicado por em 14/09/2009 em amigos, castanhas, frango, maçã, queijo, salada, salgado, tortas