RSS

Arquivo mensal: setembro 2008

Sopa de mamão ao molho de limão

O desafio da quinzena do Colher de Tacho tem como rei o Mamão.

Tema difícil, viu, amigas Valentina, Laila e Mike, a maioria das cozinhas amigas, tiverem dificuldade para participar, mas deram um jeito e fizeram coisas maravilhosas. Claro, que esta é a idéia, se não, não seria desafio. Não é reclamação é só para brincar com elas.

Acho que a dificuldade é que o mamão tem um sabor maravilhoso, mas sutil, o que dificulta a mistura de sabores e grandes inovações.

Ao fazer esta receita, tentei colocar leite de côco, côco ralado, gengibre, canela e todos mascararam o gosto do mamão, mas finalmente, com ingredientes simples acabamos gostando aqui em casa.

Aí fiz duas porções, porque mamão batido amarga rápido, coloquei uma na geladeira e outra no freezer porque queria uma mais gelada e a cara metade estava gripado não podia.

Ah, detalhe, desde segunda-feira eu estava de pé engessado, hoje graças já tirei, então o meu centro de equilíbrio estava bem comprometido. Então, fui tirar do freezer e plá, caiu no chão e sujou tudo…paguei aquele mico…e ainda, tive que dividir unzinho com o marido. KKKKK….

Well, vamos a receita.

Ingredientes:

Sopa de mamão

2 mamãos papayas
1 xícara de água gelada
4 colheres de sopa de açúcar
2 colheres de sopa de suco de limão

Bata no liquidificador todos os ingredientes.

Molho de limão

1/2 lata de leite condensado
1/2 caixinha de creme de leite
Suco de 1 limão
1 colher de sopa de raspas de limão

Bata todos os ingredientes com um batedor manual.

Coloque um pouco de molho no fundo de um prato ou taça, jogue a sopa e acrescente o molho por cima, passe um palito para misturar os dois. Leve a geladeira por no mínimo 1 hora e sirva.

Servi com um espetinho de mamão passado em côco ralado e um pouco do molho à parte.
 

Macarrão com Molho de Tomate Cereja com Bacon, em Cama de Espinafre e Cobertura de Ricota

Eu adoro, macarrão, e já fiz muuitas festas, reuniões e jantares informais com diversos tipos de macarrão e molhos.

Escolhi, este molho, fácil, rápido e super colorido para participar do desafio mensal do blog Quattro Ragazze Brasiliane nella Cocina Italiana, que tem por tema a pasta.

O bacon combina perfeitamente com o tomate cereja que é mais delicado e menos ácido que o italiano, o vinho perfuma tudo, o espinafre enriquece e a ricota dá uma textura diferente.

O colorido do prato, é, também, uma homenagem a bandeira italiana com suas cores lindas: verde, vermelha e branca, ao povo e a culinária maravilhosa deste tão único país.

Ingredientes (4 pessoas)

500g de massa
2 caixinhas de tomates cereja sem pele
1 caixinha de bacon em fatias, picado fino (+ ou – 200g)
1 xícara de vinho tinto
1 cebola picada
1 colher de sopa de manteiga
1 fio de azeite
1 tablete de caldo de bacon ou carne
1 colher de sobremesa de açúcar

pimenta-do-reino e sal a gosto

1 maço de espinafre cozido no vapor sem os talos e salgado a gosto

8 colheres de sopa de ricota com sal esmigallhada

Frite a cebola na manteiga e no azeite até dourar, acrescente o bacon até fritar. Junte o vinho e deixe por 2 minutos, acrescente os tomates, o caldo dissolvido em um pouco de água quente, o açúcar, o sal e a pimenta. Deixe no fogo por um 15 minutos em fogo baixo, ou até o molho encorpar.

Cozinhe a massa em 2 litros de água. Escorra.
Jogue o molho quente por cima, o espinafre cozido e por último a ricota.Cozinhe a massa em 2 litros de água. Escorra. Jogue o molho quente por cima, o espinafre cozido e por último a ricota.

Que bello!
Bon Apetito!!!!!!!!
 

Desafio Mão na Massa – Chocolate

Este desafio não podia ter ingrediente melhor para uma chocólatra como eu.

O desafio do blog Mão na Massa, tem o chocolate como tema. Gente a fofinha que faz este blog tem 12 aninhos. Acreditam? Queria ter uma filha assim. Ai, ai…

Para completar, minha dupla, mora na Suíca, a Terra dos Chocolates, a Dani do Gatinha na Cozinha. Muita sorte, né? Pois é, depois de muita troca de e-mails, decidimos as receitas e temos que postá-las hoje. Ela saiu na frente e já postou.

Ela fez a Tortinha de Chocolate ao Perfume de Contreau e passou algumas dificuldades pois os ingredientes parecem serem diferentes daqui do Brasil, a manteiga parece não ser igual a nossa, ela não achou o licor e usou vinho do porto, entre outras coisas, porque eu já fiz esta torta várias vezes e sempre dá certo, e com certeza, não foi culpa dela, porque ela é muito talentosa. Então vamos dizer que foram os ingredientes. Hehehe…

A Dani me mandou uma receita maravilhosa, uma Terrine aos Três Chocolates, ficou linda e deliciosa. Não tive dificuldades. Fiz apenas umas pequenas alterações, porque sou palpiteira mesmo e porque enquanto estava fazendo me lembrei de uma mousse de três chocolates que fiz para um Natal em 1900 e bolinha. Além disto, sempre gosto de dobrar receitas, porque aqui em casa somos formigas e atômicas. Coloquei em vermelho as alterações.

Olha se não é muito linda esta Terrine.

Ah, sugiro servir com um molho de hortelã ou um collis de morango.

Não fiz, mas se quiserem, depois posto as receitas.

Dani, você é um doce, adorei o desafio e tê-la como parceira.

Como você mesma disse, que venham os próximos.

TERRINE AOS TRÊS CHOCOLATES

Ingredientes
90 g de chocolate branco (dobrei)
90 g de chocolate ao leite (dobrei)
90 g de chocolate amargo (dobrei)
190 ml de leite (usei 200ml)
65 g de açúcar (usei 100g)
8 gemas
12 g de gelatina em pó incolor e sem sabor
400 ml de creme de leite fresco (usei o em caixinha)
4 claras batidas em neve com 2 colheres de sopa de açúcar
3 colheres de sopa de manteiga sem sal

Modo de Preparo:
1. Numa tábua, pique fino o chocolate branco e transfira para uma tigela. Pique fino o chocolate ao leite e transfira para outra tigela. Pique também o chocolate amargo e reserve em uma outra tigela. (Acrescentei 1 colher de manteiga em cada tigela).2. Numa panelinha, coloque o leite e o açúcar. Leve ao fogo médio e mexa até engrossar um pouco. Retire do fogo, adicione as gemas (tirei as peles e bati um pouco na batedeira para encorpar) e mexa bem para não talhar. Volte a panela ao fogo e continue mexendo até obter um creme grosso e amarelo. 3. Dissolva a gelatina conforme as instruções da embalagem. 4. Aos poucos, adicione a gelatina derretida ao creme de gemas. Mexa vigorosamente com um fouet (batedor de arame) até incorporar. 5. Divida o creme de gemas em 3 partes iguais. Coloque cada parte numa tigela com cada tipo de chocolate. Com colheres diferentes, para não misturar os tipos de chocolate, mexa o conteúdo de cada tigela e derreta em banho-maria. 6. Acrescente ao cremes de chocolate os cremes de leite, dividido em três parte. Na batedeira coloque o creme de leite fresco e bata até o ponto chantilly. (Só bati com o fouet até fazer bolinhas, já que o meu não era fresco).Divida este creme em 3 partes iguais. Adicione cada parte do creme a uma das tigelas com cada tipo de chocolate. Mexa bem o conteúdo de cada tigela. (Bati as claras em neve com as duas colheres de açúcar e dividi em três partes acrescentando aos três cremes)
MONTAGEM

1. Forre uma fôrma de bolo inglês com filme. (Para o filme grudar na fôrma, passe manteiga primeiro e depois coloque o filme).Para facilitar na hora de desenformar, deixe sobrar um pouco de plástico depois das bordas. 2. Faça a primeira camada da terrine colocando o creme de chocolate branco na fôrma. Espalhe com uma colher para que fique uniforme. Leve a fôrma ao freezer por 10 minutos, até o creme endurecer. 3. Retire a fôrma do freezer e espalhe o creme de chocolate ao leite por cima da camada branca. Leve ao freezer por mais 10 minutos. (Deixei 20 minutos em todas as camadas) 4. Por fim, retire a fôrma do freezer e coloque a última camada, de chocolate amargo, por cima da camada de chocolate ao leite. 5. Leve a fôrma à geladeira e deixe de um dia para o outro, ou leve ao freezer por 2 horas. 6. Sobre uma travessa retangular, maior que a fôrma, desenforme a terrine, puxando o filme dos dois lados para cima até que a terrine saia. 7. Depois de desesnformada, remova o plástico. Se quiser, enfeite com raspas de chocolate branco.
Fala se não é muito chique esta delícia!
Rá, isto vai ser repetido aqui em casa. Ah, vai!
Ofereço esta sobremesa ao super chocólatra, meu amigo e aniversariante de hoje Paulo, parábens querido e muitas felecidade. Receba meu beijo aí em Floripa. E te esperamos em breve para uma comemoração mais de perto.

Bj grande queridos.
 

ÔBA!!!! Mais prêmios!

O queridíssimo Beto do Receita passo-a-passo e a enigmática e talentosa Moonlight do Vitamina ABC, e indicaram o prêmio Dardos. Já falei deles no prêmio blog de ouro, mas vou reiterar eles têm blogs maravilhosos. Vou te contar, assim meu coração não vai aguenter. Gente do Céu, minha família é cardíaca. kkkkkkk. Brincadeira, estou amando ser lembrada e poder indicar meus blogs preferidos. Obrigada queridos, me senti muito prestigiada.

Prêmio Dardos: “Reconhecer os valores que cada blogueiro mostra a cada dia, seu empenho por transmitir valores culturais, éticos, literários, pessoais, etc. Em suma, demonstram sua criatividade através do pensamento vivo que está e permanece intacto entre suas letras, entre suas palavras…”

Seguem as regras:
1. Aceitar exibir a distinta imagem e cumprir as regras.
2. Linkar o blog do qual recebeu o prémio.
3. Escolher quinze (15) blogs para entregar o Prémio Dardos.
Bom, escolher os 15 é difícil, mas aí vai uma lista.

– Meus queridos amigos aventureiros, Dig, Bia, Odá e Vicente, do Casa na Estrada
– Minha amiga-irmã que fala sobre minha sobrinha Nina, Ana Paula de No Mundo de Catarina
-Meu amado e genial tio do Virgílio Freire

Meus amigos blogueiros

– Eliana Scaramal e Jê do Sabores da Lica
– Tamy do Na Cozinha Dela
– Renata do Geléia de Rosas
– Dani do Gatinha na Cozinha
-Ba do Cozinha para um
-Mari do Vanilla Bistrô
-Laila de Comidinhas do Bem
-Rosi do Devore-me
-Sónia Alexandra do Cozinha da Sonia
– Márcia do Ideias a La Carte
-Vivian do Aos 30
-Simone do Chocolatria

Para completar, a Tamy do na Cozinha Dela, também me premiou com o 2 Blogs de Ouro, 1 que eu já tinha postado o 2008 e outro com o mesmo nome, mas do mulherdiferente.blogspot.com, e o selinho é diferente.UHHHHUU!

A Tamy parece modelo fotográfica, de tão linda. Temos muita coisa em comum, é de Bsb, sagitariana e calça nº 37 também. Legal, né? Escrevi lá no blog da cozinha que se nossos maridos não fossem diferentes, eu custaria a acreditar que não éramos a mesma pessoa. (Credo, kkkkkk)Ela ainda tem mais dois blogs com assuntos que me, e acredito, nos interessa, o na Casa Dela com dicas de decoração e produtos de casas e o nº 37 que é sobre sapatos. Ô menina disposta, viu?

Obrigada lindinha.


Tenho que indicar mais 15 blogs. Que delícia, e que lista, viu? Só feras…

Glau e Marula do Madames na Cozinha
Tânia do Zakuskas
Valentina do Trem Bom
Ameixa Seca do Canela Moída
Nani do Manjar de Idéias Doces e não Só
Risonha do Cozinha da Risonha
Cris do From our Home to Yours
Akemi do Pecado da Gula
Odete do Páprika na Feijoada
Cinara do Cinara’s Place
Silvia do Doce Casinha
Luciana do Cafezinho das Cinco
Cláudia do Magia na Cozinha
Iliane do Cozinha da Iliane
Fabrícia do Sopa Vermelha
Rê e Fran do Frango com Banana

Sei que alguns de vocês já ganharam estes prêmios, mas mesmo assim, eu queria homenageá-los. Escolhi os que admiro e respeito, infelizmente não todos, mas quem escolhi foi com muita satisfação. Aposto que ninguém vai achar ruim.

A todos vôcês, estou adorando as amizades virtuais e encantada como os blogueiros são pessoas alegres, simpáticas, do bem, cheias de coisas boas para falar e para transmitir.

Vida longa ao blogueiros!!!!

 

O Pão Preto do Outback

A primeira vez que conheci o Outback foi há dez anos atrás em Orlando, na minha primeira viagem internacional com o atual marido e na época noivo, e antes deste estabelecimento aparecer aqui em terras brasilis.

Saímos encantados e apaixonados pelo lugar, original e aconchegante na decoração, o atendimento simpático e informal, a carne e os acompanhamentos estavam perfeitos, a salada fresquíssima, mas o que mais nos surpeendeu foi aquele pão preto macio e adocidado.

Naquele tempo não tinha muito gosto por cozinhar (mas por comer, sempre),nunca me imaginaria 10 anos depois com um blog de culinária e postando o tão desejado pão.

Receita da Ci do Cinara’s Place. Ficou igualzinho. Perfeito e Maravilhoso! Além de macio é um pão rico, com diversos ingredientes e dá vontade de comer até acabar. E ainda ficamos com gosto de quero mais. Além da forma de pão tradiconal, fotografada, rendeu mais 3 pães do tamanho de pães franceses grandes.

Façam e depois me contem!

Bj queridos!
 

O Primeiro Prêmio a Gente Nunca Esquece

Recebi da queridíssima e lindinha Mari Rezende do Vanilla Bistrô, o prêmio Blog de Ouro 2008. A minha vizinha, que também mora em Brasília, começou seu blog no mesmo mês que eu, em Junho deste ano. Fôfa até o último fio de cabelo, faz receitas deliciosas, escreve muito bem, de uma forma divertida e informal. Tenho certeza que um dia nos conheceremos pessoalmente.

Affe, amei, fiquei até sem sono no dia que ela me mandou.

Eu sou igual a criança, quando acontece alguma coisa que gosto muito fico eufórica e não durmo, fico rolando na cama, igual a um bife na chapa.(Ui!) Ah, mas é uma forma muito boa de perder sono, sem problemas e doenças. É igual as lágrimas de alegria e de emoção. Tudo de bom!

Aí está o lindinho:

Agora devo indicar 5 (cinco) BLOGS QUE VALEM OURO!

Ai, ai, muita gente merece, mas escolherei os amigos abaixo para homenagear desta vez. Aos que eu não pude fazê-lo, saibam que todos que me visitam e estão nas minhas listas, merecem, e assim que eu puder vou mandar um prêmio/mimo/selo. Seguem em ordem alfabética.

Beto do Receita Passo a Passo, que é muito paciente, como o nome do blog diz, e explica tudo tim tim por tim, com fotos lindas. Boleiro profissional, tem também o blog Bolos do Beto, cada um melhor do que o outro. Tenho vontade de fazer todas suas receitas.

Cláudia do Doces Encontros, que realmente é um doce, e faz coisas lindas e maravilhosos em seu cantinho. Tem o hábito de postar flores lindas, as vezes fico até sem fôlego com suas fotos.

Moonlight do Vitamina ABC, amiga recente, lá de Portugal, terra que tenho loucura para conhecer, por quem tenho muito respeito e admiração.

Simone do Chocolatria, diva, sempre simpática, alegre, sagitariana igual a mim, por quem eu tenho muita empatia e total comunhão no gosto por chocolates. Si, como a chamo, também tem um site, agora para divulgar seu lindo trabalho como Chocolatier, o Divas Chocolates.

Valentina do Trem Bom, minha ídola total, uma pessoa meiga, generosa e com as receitas mais originais e delicadas dos foodblogs. Suas fotos são um caso à parte, dão água na boca e refletem a beleza e a delícia dos seus pratos.Faz parte de mais 3 blogs, é mole? Nos Quatro Cantos do Mundo, Tapioca (inglês) e Colher de Pau. Todos ótimos.

Passo a bola para vocês queridos, e vocês merecem todos os prêmios que recebem, pois sempre
A-R-R-A-S-A-M!

 

Bisteca Suína com Molho de Tangerina e Farofa de Abóbora

Sou absolutamente apaixonada por carne de porco, mas a bisteca, definitivamente, é a melhor parte.

Como esta carne combina perfeitamente com misturas agridoces, e aqui em Bsb, está na safra de tangerinas, resolvi fazer para o almoço de domingo retrasado. Criação minha, com os conhecimentos que estão na “cachola” e um pouco de criatividade

A farofa de abóbora, foi reaproveitamento, já tinha a abóbora cozida e temperada, e uns dois pacotes de farinha da melhor qualidade dando sopa. Veio a ídeia e achei que combinava. Complementei com um arroz integral básico, foi o acompanhamento ideal.

Hoje estou um bucado cansada e atarefada, a conversa fiada vai ser curta. Não se acostumem, isto é uma raridade, dificilmente isto me impede de falar muito. Hehehe…

Povo, ficou bom viu? Cara metade também gostou…

Ingredientes para 2 pessoas

Carne:
4 bistecas de 150g cada
Sal e pimenta a gosto
1 dente de alho ralado
2 colheres de sopa de cebola ralada
1 colher de sopa de azeite

Tempere a bisteca com os ingredientes acima e deixe marinar enquanto faz o molho e o acompanhamento.
Molho:
Suco de 3 tangerinas bem maduras
50ml de caldo de legumes
1 colher de sobremesa de amido de milho dissolvida no suco
1 colher de sopa de manteiga
1 colher de sopa de açúcar

Leve ao fogo até ficar formar um caldo encorpado.

Grelhe ou frite as bistecas junto com a marinada em um fio de azeite, até ficarem bem passadas.
Jogue o molho quente por cima.

Farofa:
3 xícaras de farinha de mandioca (a melhor possível, usei a Amélia)
1 xícara de abóbora cozida “al dente”
3 colheres de sopa de manteiga
1 cebola picada finamente
Sal a gosto

Frite a cebola no azeite, junte a farinha até ficar dourada e acrescente a abóbora quente ao final.

Confort food…